Usando eventos no Vue.js 2.0

Sabemos que a recomendação é utilizar Vuex para a sanidade do projeto e da equipe de desenvolvimento, porém, os métodos $broadcast() e $dispatch(), recém depreciados na nova versão ainda tem um papel fundamental comunicação entre componentes, mesmo que se esteja utilizando Vuex.

Como então manter esta possibilidade?

A solução é muito simples e ainda mais poderosa do que a que foi depreciada.

Vamos à receita do bolo:

Em qualquer local da sua aplicação, crie um arquivo chamado bus.js. Exemplo: num projeto criado com vue-cli você pode criar em /src/utils/events/bus.js. Segue o conteúdo do arquivo:

import Vue from 'vue'  
const bus = new Vue()  
export default bus  

Então basta importar esta constante em qualquer componente que precise disparar um evento:

import bus from './utils/events/bus' // << adequar o path à sua estrutura  
export default {  
    methods: {
        buttonClickHandler () {
            bus.$emit('botao-foi-clicado', 13)
        }
    }
}

E em qualquer componente que possa ter interesse neste evento:

import bus from './utils/events/bus' // << adequar o path à sua estrutura  
export default {  
    mounted () { // << mounted subititui o hook ready()
        bus.$on('botao-foi-clicado', (id) => console.log(id))
    }
}

Qual a grande vantagem desta abordagem?! Como se tem um local centralizado para disparar e escutar eventos, a comunicação entre componentes "irmãos" (siblings, que estão lado a lado na hierarquia de componentes) é facilitada, se comparado com a versão 1 do Vue.js. Naquela versão era necessário 1. capturar um $dispatch() 2. executar um callback 3. ler as informações do evento e 4. fazer um $broadcast().

Até o próximo artigo!

Ved